Cuidados evitam que você termine o verão com manchas ou fungos
A combinação sol e suor, praticamente inevitável durante o verão brasileiro, é bastante perigosa para a saúde da pele. Embora seja impossível eliminar em 100% os riscos de problemas, com alguns cuidados básicos todo mundo pode aproveitar as delícias da estação sem acabar no consultório do dermatologista.

A primeira recomendação de Ana Célia Xavier, dermatologista da rede de hospitais São Camilo, de São Paulo, é usar sempre roupas leves, de tecidos que permitam a evaporação do suor, e preferir ambientes bem arejados.

Durante o verão, também é importante ter muita atenção aos produtos que você passa na pele. "Não se deve usar produtos oleosos, perfumes e maquiagens durante a exposição ao calor", aconselha a médica. A terceira dica é redobrar os cuidados com a higiene pessoal e tomar vários banhos frescos durante o dia.  

Para manter a pele saudável, outro ponto essencial é usar protetor solar sempre e evitar exposição ao sol entre as 10 e 15 horas. A Sociedade Brasileira de Dermatologia prega o uso de protetores com FPS a partir de 30, para qualquer tipo de pele. E vale lembrar que eles devem ser aplicados em quantidades generosas e reaplicados a cada duas horas. Usar chapéus e óculos escuros também ajuda na proteção.

Mesmo que, com todo o cuidado, alguma lesão tenha aparecido na pele, não há motivos para pânico. Casos corriqueiros podem ser tratados com antialérgicos ou antimicóticos de uso tópico. "Deve-se procurar um médico quando não há um controle das lesões com o uso desses produtos, ou quando as lesões provocarem um grande incômodo à pessoa", afirma a dermatologista do São Camilo.

Fonte: Hoje Mais
__________________________________________________________________________________________
www.mariaamelia.com.br
2018/5/20 | 20:29:12

IMPRIMIR